Pré-candidatura de Danilo Segundo provoca desconforto no prefeito Alberto Macedo

By Victor Rafael jul 10, 2023

A corrida pela reeleição do prefeito Alberto Macedo em Barra dos Coqueiros tem sido marcada por reviravoltas e desafios políticos. Após sua ruptura pública com Airton Martins, Alberto tem buscado consolidar um grupo diversificado de opositores antigos. No entanto, um nome em especial tem causado grande apreensão: Danilo Segundo. A pré-candidatura de Danilo, lançada pelo Partido dos Trabalhadores (PT), trouxe um novo cenário político e confrontou as expectativas do atual prefeito e seus aliados.


O plano inicial de Alberto era contar com o apoio do PT e do senador Rogério para as eleições de 2024, após ter apoiado Rogéria Carvalho para governador em 2020. Contudo, a pré-candidatura de Danilo Sampaio, namorado de Lurian, genro do presidente Luiz Inácio Lula da Silva, foi um ponto de discórdia entre Alberto e seus aliados. Eles tentaram, sem sucesso, criar rachas no partido, mas a derrota se tornou ainda mais evidente quando Rogério perdeu o apoio do MDB para o senador Alessandro, o que complicou ainda mais seu apoio a Alberto.

A pré-candidatura de Danilo Segundo deixou o prefeito Alberto fragilizado e explicam o grande desconforto que ele e seus assessores sentem diante da aceitação do petista como concorrente. Alberto contava com os 11.635 votos que a cidade de Barra dos Coqueiros deu ao presidente Lula, e acreditava firmemente que seria o apoio de Rogério, junto ao PT, que lhe garantiria a vitória. No entanto, seus planos foram abruptamente interrompidos.

Mas afinal, quem é Danilo Segundo? Nascido em Aracaju, em 19 de março de 1980, Danilo é uma figura conhecida na cena política. Ele foi líder estudantil, presidente do DCE, diretor da União Nacional dos Estudantes, vereador por Aracaju, advogado, radialista e apresentador do programa Espaço Cidadão. Além disso, é professor universitário de Direito, mestre pela UFS e genro de Luiz Inácio Lula da Silva. Também foi líder de governo e presidente da Comissão de Direitos Humanos.

Danilo tem conquistado projeção política suficiente para incomodar o atual prefeito, que, mesmo tendo a máquina pública em suas mãos, enfrenta grandes problemas de rejeição. Essa rejeição é constantemente evidenciada em pesquisas públicas. Alberto vê sua posição ameaçada por Danilo, o que tem sido o estopim para uma batalha em busca de deslegitimar a candidatura do petista.

Related Post

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *